Um suspeito morre, um fica ferido e outro é preso pela PM em Gaspar após assalto em Brusque

Foi longa a viagem de Brusque até o ponto de capotamento do veículo em que estavam pelo menos três suspeitos de terem cometido um assalto numa casa de ferragens. Isso porque eles fugiram num Toyota Corolla, roubado no local do crime e foram acompanhados pela Polícia Militar até o local onde acabaram sofrendo o acidente.

De acordo com as informações repassadas pelo Sargento Márcio Francisco Pires, da Polícia Militar, os assaltantes não pararam nem mesmo numa barreira realizada próximo a empresa Plasvale, “Ao invés de pararem ainda investiram atirando contra nós, que precisamos revidar para proteger nossas vidas, em instantes depois, ainda em fuga o motorista perdeu o controle do carro e capotou” informou Pires.

Fotos: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

Na troca de tiros, apenas dois suspeitos foram atingidos por disparos, sendo que um faleceu no local do capotamento e o outro não corre risco de vida. Tanto o baleado, quando seu comparsa, foram encaminhados ao Hospital Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, de Gaspar, pelo Corpo de Bombeiros após receberem voz de prisão, sendo que uma viatura da PM deu suporte aos bombeiros.

Ainda de acordo com a PM, o assalto foi realizado na Rua Francisco Walendowsky, bairro Primeiro de Maio, em Brusque, cerca de 23 quilômetros de distância do local do acidente. No local 4 bandidos renderam uma mulher com duas crianças, efetuaram o roubo e fugiram com carro da família. Na altura do numeral 5520 da Rodovia Ivo Silveira o veículo foi localizado pela equipe de Patrulhamento Tático e iniciado o acompanhamento até o local do acidente, já em Gaspar, na mesma rodovia.

Por conta da situação a Unidade de Suporte Avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência, o SAMU, de Blumenau também foi empenhada na ocorrência, prestou atendimento médico e retornou para sua base. Polícia Civil de Gaspar e Instituto Geral de Perícias de Blumenau também foram até o local.

Duas armas de fogo foram apreendidas. O nome dos envolvidos ainda não foram divulgados e a polícia ainda trabalha para localização e identificação do quarto elemento, que pode ter conseguido fugir.

Foto em destaque: Divulgação / CMB

error: Conteúdo Protegido!!