Sonda chinesa faz 1º pouso na face oculta da Lua


da ANSA

A sonda chinesa Chang’e-4 aterrissou nesta quinta-feira (3) na face oculta da Lua, aquela que não se vê a partir da Terra, um feito inédito na história da exploração espacial.   

O pouso no satélite natural, também chamado de alunagem, foi confirmado pela Administração Espacial Nacional da China (CNSA), segundo a qual a operação foi realizada com ajuda do satélite Queqiao, que enviou as fotos da face oculta da Lua e será responsável pela transmissão de sinais entre a Terra e a Chang’e-4.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

 A sonda foi lançada em 7 de dezembro, do sul da China, que vê suas ambições espaciais se concretizando no mesmo ano em que se comemora o 50º aniversário do histórico desembarque da missão Apolo 11, que levou o americano Neil Armstrong a se tornar o primeiro homem a pisar em solo lunar.

A Chang’e-4, que contém um robô, estudará a composição dos minerais e a estrutura da superfície lunar.

error: Conteúdo Protegido!!