Questão da Odebrecht alonga debate no Tribunal Superior Eleitoral

Hoje(8) pela manhã foi dada continuação no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) da audiência dedicada à ação em que o PSDB pede a cassação da chapa Dilma-Temer. A terceira reunião foi voltada à discussão da validade de depoimentos e provas relacionados à Construtora Odebrecht.

A validade foi contestada pelas defesas de Dilma Rousseff e Michel Temer, que alegaram não ser possível apreciar tais provas, por não estarem englobadas pelos 21 itens inicialmente contestados pelo PSDB no momento da abertura da ação.

O relator, ministro Herman Benjamin, rejeitou a tese. Para ele, a contestação inicial do PSDB engloba  as irregularidades apontadas nos depoimentos de executivos da Odebrecht ao TSE, pois o partido relacionou a empreiteira no rol de empresas suspeitas de desviar recursos da Petrobras para a campanha da chapa Dilma-Temer, conforme indícios revelados pela Operação Lava Jato.

Os debates, que ainda não entraram no mérito da questão, começaram às 9h20 e seguiram até às 12h38min. Veja a transmissão da audiência ao vivo agenda para início às 14h30min:

 

Clique aqui para entender melhor o processo e assistir a primeira sessão.

Saiba tudo o que ocorreu na segunda sessão, que aconteceu nesta quarta-feira (7): clique aqui.

 

Confira abaixo a terceira sessão, ocorrida na manhã desta quinta-feira:

 

*Com informações da Agência Brasil
Foto: Divulgação / TSE

error: Conteúdo Protegido!!