Por conta de pane mecânica de Ferrari, Mercedes ficou com 1º e 2º lugar do pódio no GP do Bahrein

O inglês Lewis Hamilton, da Mercedes, venceu neste domingo (31) o Grande Prêmio do Bahrein de Fórmula 1, no circuito de Sakhir. Essa foi a primeira vitória da temporada de 2019 do piloto britânico, que contou com um pouco de sorte.

O pentacampeão mundial ultrapassou o piloto Charles Leclerc, revelação da Ferrari, após o monoposto do rival ter apresentado problemas no motor. Apesar de largar na pole position e ter liderado grande parte da corrida, o monegasco foi ultrapassado na parte final da prova por Valtteri Bottas, também da Mercedes.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Receba em primeira mão nossas notícias via WhatsApp
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Leclerc, por sua vez, só conseguiu segurar Max Verstappen, da Red Bull Racing, por conta de panes nos dois carros da Renault, obrigando com que o carro de segurança fosse acionado e fazendo com que as últimas duas voltas não pudessem permitir ultrapassagens. Sendo assim o ferrarista terminou a corrida na terceira colocação.

No rádio, após a vitória, Hamilton afirmou que foi “muita infelicidade” o que aconteceu com Leclerc. Antes de subir no pódio, o britânico ainda consolou o jovem piloto monegasco, que numa entrevista afirmou que “essas coisas fazem parte do automobilismo” demonstrando tranquilidade e maturidade.

O companheiro de equipe de Leclerc, Sebastian Vettel, terminou na quinta colocação. O alemão largou em segundo, mas rodou na pista ao tentar recuperar de uma ultrapassagem e logo depois teve a sua asa dianteira quebrada.

O próximo GP será disputado na cidade de Xangai, na China, entre os dias 11 e 14 de abril.

Foto: Divulgação / F1

error: Conteúdo Protegido!!