Polícia Civil prende indivíduo que agredia companheira, sogra e ainda expôs imagens sensuais da mulher

Elementos obtidos através de investigação realizada Delegacia de Proteção à Criança, Mulher, Adolescente e Idoso (DPCAMI) de Blumenau foram suficientes para que a Polícia Civil conseguisse através do Poder Judiciário, um mandato de prisão contra um indivíduo de 25 anos, de nome com iniciais C. S. S. (conforme divulgado pelas autoridades).

De acordo com o delegado David Sarraf, o mandado de busca e apreensão foi realizado numa residência localizada no bairro Itoupava Central, sendo que o jovem responde a um inquérito por ameaçar de morte sua ex-companheira e a mãe dela, além de divulgar fotos e vídeos com cenas de nudez de sua ex-companheira através das redes sociais, inclusive com perfis falsos.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Receba em primeira mão nossas notícias via WhatsApp
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Ainda segundo as informações divulgadas pela polícia, o suspeito e a vítima conviveram por quase dois anos e, desde o término do relacionamento no início desse ano, o suspeito passou a proferir ameaças, inclusive de estrangular a mãe da vítima e divulgar as fotos íntimas da vítima. por conta disso a vítima conseguiu medida protetiva.

Já no final de maio, o C. S. S. pediu para a vítima buscar roupas doadas para a filha deles na casa de um amigo do suspeito, informando que não estaria no local e quando ela chegou no local, foi abordada por ele, que a levou para um quarto e a manteve em cárcere privado por cerca de dois dias, fazendo diversas ameaças.

O rapaz, inconformado com a negativa da vítima em retomar o relacionamento, chegou a sufoca-la, causando lesões nos vasos sanguíneos do globo ocular dela. Com medo das ameaças e das agressões, ela acabou cedendo e teria passado a tratar o suspeito de forma amena, conseguindo assim deixar o cárcere, deixando para trás documentos e o celular no intuito de “garantir seu retorno”.

Na última sexta-feira (7) durante o cumprimento de mandato de busca e apreensão, o aparelho celular da vítima foi encontrado em posse de um terceiro que informou que o suspeito vendeu o aparelho celular por cem reais, alegando que vendia o aparelho da esposa com o consentimento dela. O rapaz foi preso e está no Presídio Regional de Blumenau à disposição da Justiça. Um canivete também foi apreendido.

Fotos: Divulgação / Polícia Civil

error: Conteúdo Protegido!!