Mercado Pet cresceu quase 5% em um ano no Brasil

Dados da última Pesquisa Nacional de Saúde (PNS), em 2013, registraram o dobro de cães em relação ao número de crianças entre 1 e 14 anos de idade em Santa Catarina. São 2,4 milhões de cachorros e 1,2 milhão de crianças. Isso demonstra o quanto as pessoas estão se dedicando a cuidar dos animais, e com isso investindo nesse mercado, tanto em produtos inovadores, quanto em serviços como banho, tosa e cuidados veterinários.

Outra realidade é a mudança de perfil das famílias brasileiras. Muitas são formadas apenas pelo casal, com um filho ou sem filhos, optando por ter um animal de estimação para fazer companhia, dar e receber afeto e atenção.

Esse cuidado todo ajudou o Brasil a se tornar o segundo principal mercado pet do mundo. Em 2018 o setor movimentou mais de R$ 34,4 bilhões, 4,6% a mais do que em 2017 (R$ 32,9 bilhões), conforme dados do Instituto Pet Brasil – IPB. Com isso, o país tem uma participação global de 5,2% de produtos pet, ultrapassando o Reino Unido e a Alemanha com 5,2%. Os Estados Unidos lideram com 40% do faturamento de varejo do setor.

Ainda de acordo com o IPB, a estimativa de 2018 indica que a população pet brasileira é de aproximadamente 139,3 milhões de animais, sendo 54,2 milhões de cães e 23,9 milhões de gatos. Santa Catarina é o sexto estado com mais domicílios com cachorros, 55,3%, acima da média brasileira (44,3% – IBGE 2013)

O aumento no número de animais de estimação reflete diretamente no crescimento de lojas especializadas. Em 2018, 64 novos petshops abriram em Santa Catarina, passando de 1.263 em 2017 para 1.327 no ano passado, segundo dados do Conselho Regional de Medicina Veterinária de SC. O número de clínicas também registrou um salto de 371 para 572 em um ano. A região Sul do Brasil tem a terceira maior concentração de animais de estimação do país, com 17,6%. O Sudeste lidera com 47,4% e o Nordeste com 21,4% (dados IPB)

Labrador Bravo do Corpo de Bombeiros Militar de Blumenau marca presença em abertura de petshop

No dia 27 de junho, acontece a abertura para convidados e imprensa de um novo petshop na Rua Humberto de Campos, a Atolpet, e o labrador Bravo do Corpo de Bombeiros Militar de Blumenau estará presente. O cão atuou  nas buscas às vítimas da tragédia em Brumadinho, no início deste ano.   

A partir de 28 de junho, a loja estará aberta para a comunidade. Esta é a terceira loja da rede AtolPet, que já atua há 15 anos em Blumenau. Atualmente são duas lojas, uma no Angeloni da Fonte e outra no Giassi, no bairro Victor Konder.  

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Receba em primeira mão nossas notícias via WhatsApp
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

A empresa apresenta aos clientes e seus pets, mais do que uma loja de produtos e serviços. A Atolpet é um local de novas experiências, onde o tutor pode buscar informações para que seu animal de estimação tenha mais qualidade de vida, com um consumo cada vez mais consciente.

O novo petshop conta com uma variedade de produtos para cães e gatos, carrinhos estilo supermercado para facilitar as compras dos clientes, sala de banho e tosa e consultório veterinário. A Atolpet aposta ainda na alimentação natural para os pets, que já é uma tendência nos Estados Unidos, e que a procura aumenta a cada ano, mas aqui no Brasil a venda deste tipo de ração ainda representa apenas 20% do total.

Foto: Divulgação / Usp Imagens

error: Conteúdo Protegido!!