Jovem de 22 anos é assassinado dentro da casa onde morava durante a madrugada desta quarta-feira (11), em Blumenau

Blumenau chega a marca de 17 homicídios registrados em 2018, índice semelhante ao mesmo período do ano passado. Durante a manhã desta terça-feira (10) um detento do Presídio Regional de Blumenau foi encontrado morto de sua cela, sendo que o suspeito da autoria do crime já foi interrogado pela Polícia Civil. Já por volta de 0h40min desta quarta-feira (11) um jovem de 22 anos recebeu dois tiros a queima roupa dentro da casa onde vivia com sua companheira, cunhados e sobrinhos.

O crime desta madrugada aconteceu em uma residência familiar localizada na Rua Ângela Grasman, no bairro Itoupavazinha. O Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar (que chegou rapidamente ao local), foram acionados com a afirmação de que um homem havia recebido um tiro no peito. Assim que os primeiros policiais militares chegaram no local do crime e foi solicitado prioridade aos bombeiros, porém por conta dos disparos, o jovem acabou não resistindo.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

De acordo com informações preliminares divulgadas pelo Instituto Médico Legal, a vítima recebeu dois tiros, um na mão e outro no tórax, o que foi fatal para ceifar sua vida. A vítima, identificada como Djonatam Luiz Alves, possuía algumas passagens criminais, e segundo familiares, já chegou a cumprir pena por tráfico de drogas. Ele morava a cerca de três meses na casa onde foi assassinado e a polícia já possui pistas de quem e o que pode ter motivado o crime que será investigado pela Divisão de Investigação Criminal, com auxílio do Instituto Geral de Perícias.

 

Foto: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

error: Conteúdo Protegido!!