Faleceu na madrugada deste 9 de janeiro padre Quevedo, referência no mundo da parapsicologia

Faleceu na madrugada desta quarta-feira (9), em Belo Horizonte (BH), Minas Gerais o padre Oscar González Quevedo S.J, jesuíta espanhol radicado no Brasil, pais em que viveu desde 1959. A causa da morte foi natural, por conta de problemas cardíacos. Ele tinhas 88 anos.

Conhecido pelo bordão “Isso non ecziste”, no período entre 2 de janeiro e 5 de maio de 2000, com objetivo desvendar fenômenos da natureza e desmascarar charlatões, ele apresentou um quadro O Caçador de Enigmas na revista semanal Fantástico, da TV Globo, com apresentação do jornalista Cid Moreira.

Quevedo lidava com casos de investigação de casos relacionados a assombrações, premonições e era considerado um grande especialista em parapsicologia dentro e fora da igreja, com autoria de dezenas de livros, muitos dos quais traduzidos para outras línguas. Entre as suas obras estão: O que é parapsicologia, A Face Oculta da Mente e As Forças Físicas da Mente

A neurologista Lenise de Souza Pontes Freitas, que atua em Blumenau, afirma que o admirava por seu trabalho. “Pe. Quevedo, é um marco para a a parapsicologia no Brasil.” disse a médica ao Notícias Vale do Itajaí. “Com certeza abril caminhos para novas leituras de fenômenos até então sobrenaturais.” conclui.

O velório do padre acontecerá amanhã (10), a partir das 8h, na Capela Santo Inácio situada dentro do Campus da Faculdade Jesuíta de Filosofia e Teologia (FAJE), bairro Planalto, na capital mineira. A missa de corpo presente será às 9h, no mesmo local do velório. O sepultamento acontece às 11h no Cemitério Bosque da Esperança, também em BH e as cerimônias serão reservadas para familiares, amigos e religiosos.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

error: Conteúdo Protegido!!