Comandante Moisés não recebe apoio direto de Bolsonaro em Santa Catarina e emedebistas e tucanos já anunciam aliança com PSL

Assim que o resultado do primeiro turno das eleições foram apresentados em Santa Catarina, Gelson Merísio (PSD) e Comandante Moisés (PSL) afirmaram que não pretenderiam fazer alianças partidárias para enfrentar 2º turno, mas parece que não é o que acontece na prática, sobretudo por parte de Moisés, que tem recebido manifestações de políticos do MDB, de Mauro Mariani, que ficou em terceiro lugar no pleito.

Nomes tradicionais do partido como o atual governador, Eduardo Pinho Moreira e Valdir Cobalchini, reeleito o deputado estadual mais votado do MDB, anunciaram apoio ao candidato Comandante Moisés. Outro emedebista que declarou estar com Moisés e prefeito de São Lourenço do Oeste, Rafael Caleffi.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Moisés no passado ocupou cargo de confiança em gestões do MDB

O coronel da reserva do Corpo de Bombeiros Militar (aposentadoria na casa dos R$ 27 mil), Carlos Moisés da Silva, sempre esteve ligado ao MDB, entre 2012 e 2014, coordenou a Defesa Civil do Estado, indicado pelo time emedebista, além disso trabalhou na Secretaria de Justiça e Cidadania, entre 2014 e 2016, pasta que foi liderada pela deputada estadual reeleita Ada Faraco de Luca.

Bolsonaro e os candidatos ao governo de SC

O presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) afirmou que ficará “neutro” nas eleições ao governo catarinense, ou seja, aqui no estado ele demonstrou que não está bem alinhado com o candidato de seu partido. Segundo o candidato a Presidência da República, essa estratégia é para que ele não perca votos, já que Merísio chegou no primeiro turno na frente de Moisés.

Num vídeo gravado enquanto o presidenciável ainda estava no hospital, Bolsonaro prestou homenagem a Esperidião Amin, senador eleito e que compõe a chapa de Gelson Merísio:

 

 

Foto: Gabriela Korossy / Câmara dos Deputados

 

 

error: Conteúdo Protegido!!