Cerca e 28 mil catarinenses estão sendo atingidos pelas cheias

Apesar de uma certa trégua, as chuvas continuam causando estragos e prejuízos em grande parte Santa Catarina. De acordo com um balanço divulgado na manhã desta terça-feira (6), pela Defesa Civil do Estado, mais de 27,6 mil pessoas foram afetadas pelos temporais em 88 municípios. O número aumentou significativamente por conta do volume de chuva que caiu na última madrugada, já que no final da tarde de ontem (5), eram apenas 10.127 pessoas.
O secretário adjunto da Defesa Civil de Santa Catarina, Fabiano de Souza, afirma que situação deve se complicar ainda mais pois a previsão é de chuva até quinta-feira (8), em todas as regiões do estado, de acordo com dados do setor de meteorologia da Epagri/Ciram. “A Defesa Civil continua em alerta em todos os municípios. A prioridade, neste momento, é realizar o atendimento das pessoas afetadas. Além disso, mantemos um contato constante com as prefeituras e com as coordenadorias regionais de Defesa Civil para informar sobre a possibilidade de agravamento do cenário”, explica.
Ainda conforme o secretário adjunto, na manhã desta terça-feira, Rio do Sul era a cidade mais crítica e possuía 21 abrigos ativados, o maior número do estado. Outro município que foi fortemente atingindo pelas chuvas foi Lages, que se encontra com sete abrigos ativados e 318 pessoas neste locais. “O número de desalojados, que são as pessoas que tiveram que ser transferidas para casa de parentes ou amigos, é ainda maior, já que a prioridade das pessoas é buscar auxílio junto aos mais próximos”, contou.
Sobre as barragens do Alto Vale do Itajaí, a Defesa Civil afirma que prioridade para esta hoje é conseguir estabilizar o nível do reservatório da barragem de Taió para que seja possível manter a capacidade operacional com a chegada da chuva dos próximos dias. Uma comporta foi aberta nesta manhã. Já a barragem de Ituporanga deve seguir vertendo, e a barragem de José Boiteux 9que foi colocada em operação nesta segunda-feira) deve permanecer com as duas comportas fechadas, preservando as condições hidrológicas dos municípios do Médio Vale e da Foz do Rio Itajaí-Açu.
A equipe do Arcanjo 03 com auxílio de da equipe de Blumenau também estão no Alto Vale do Itajaí para atendimento de emergências que podem vir a ocorrer em toda a região e também para o transporte de pacientes com doenças crônicas e que precisam de atendimento hospitalar e estão em áreas isoladas devido às chegas. Durante a manhã e o início da tarde a equipe disponibilizou imagens dos voos e atendimentos efetuados na região. Confira abaixo:

 

Conforme o relatório da Defesa Civil estadual, são 1,3 mil pessoas desalojadas (tiveram que ser transferidas para a casa de parentes ou amigos) e 1.925 estão desabrigadas (removidos para um abrigo público). Também foram contabilizadas 8.649 casas danificadas. Não há nenhum registro de morte no relatório por conta da chuva. Foram encaminhados para os abrigos de Lages e Rio do SuL, para serem distribuídos aos municípios que decretaram situação de emergência, itens de assistência humanitária, como cestas básicas; kits de limpeza e de higiene pessoal; colchões e acomodações de solteiro, além de água de água potável.
Em Blumenau, desde a noite de domingo (4), já foram registradas 171 ocorrências, sendo 116 de deslizamentos e há um abrigo aberto, o da Igreja Evangélica Livre, no bairro Itoupava Norte, que está atendendo pelo menos duas famílias que estão desalojada. Em Itajaí também houve a necessidade da abertura do abrigo do Salão Paroquial São Cristóvão, no bairro Cordeiros. A Defesa Civil de Itajaí está monitorando as áreas com risco de alagamento e deslizamento, além de acompanhar 24h o comportamento dos rios Itajaí-Açu e Itajaí-Mirim.
Em Brusque a situação também é crítica, tanto que a rede municipal precisou cancelar as aulas de ontem e desta terça. O pico do nível do rio Itajaí-Mirim foi às 14h27min de ontem, quando o rio chegou a 7,86 metros acima do nível normal, mas vem se mantendo em baixa, sendo que às 14h de hoje marcou 5,85m.
Acumulados de chuva previstos – Previsão Epagri/Ciram
 
Terça-feira: 10mm a 30mm em média no estado e pontuais em torno de 40mm no Planalto Norte, Vale do Itajaí e Litoral Norte.
Quarta-feira: 10mm a 30mm em média no estado.
Quinta-feira: chuva mais intensa, com valores de 40mm a 60mm em média e pontuais em torno de 100mm, no Oeste, Meio-Oeste, Planalto Sul e Litoral Sul. Nas outras regiões, média de 30mm a 40mm.
Sexta-feira: sol volta a aparecer com declínio acentuado de temperatura, devido à chegada de uma intensa massa de ar frio.
Foto: Divulgação / Arcanjo
error: Conteúdo Protegido!!