Catarinense Darlan Romani é ouro em atletismo e bate recorde no Pan

A primeira medalha de ouro em atletismo nos Jogos Pan-Americanos de Lima é do catarinense Darlan Romani, natural de Concórdia. O atleta de 28 anos obteve a conquista nesta quarta-feira (7), ao vencer a prova do arremesso de peso e ainda estabeleceu novo recorde nos Jogos Pan-Americanos.

Logo em seu primeiro arremesso, Darlan obteve a marca de 20m81, o que já seria suficiente para garantir o ouro. No segundo, fez 20m92. Em seguida, 21m19. No quarto arremesso, caiu para 21m16. No penúltimo, subiu para 21m54. E no último, para fechar a competição com chave de ouro, cravou 22m07, estabelecendo novo recorde nos Jogos Pan-americanos. A marca anterior, de 21m69, pertencia ao jamaicano O’Dayne Richards, obtida em Toronto 2015.

Foto: Wagner Carmo / Panamerica Press

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Receba em primeira mão nossas notícias via WhatsApp
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Com o recorde em Lima, Darlan está confirmado para a Olimpíada de 2020. Ele também confirma a posição de destaque no arremesso de peso, ganhando moral para o Mundial de Doha, no fim de setembro, quando vai buscar sua primeira medalha da competição.

Confira todas as medalhas do Brasil nos Jogos Pan-Americanos 2019.


Foto: Washington Alves / Comitê Olímpico do Brasil

error: Conteúdo Protegido!!