Casa de passagem de Balneário Camboriú realiza maior número de abordagens de todos os anos

Em Balneário Camboriú, o trabalho de inclusão social tem sido extenso e a cada a no a Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social tem proporcionado novas oportunidades para auxiliar pessoas em situação de rua. O ano de 2019 foi considerado o ano com maior número de atendimentos, abordagens, e internações na história do departamento.

A Casa de Passagem do Migrante atendeu, no total, 2.954 pessoas em situação de rua, a fim de ajudá-los de acordo com seu contexto e necessidade. Foram 24% de atendimentos a mais comparado ao ano de 2018. Ao todo foram 17.862 acolhimentos com a disponibilização de alimentação, higiene pessoal e pernoite.

A Secretaria de Desenvolvimento e Inclusão Social também cedeu 824 passagens rodoviárias para os acolhidos que desejavam retornar para a sua cidade natal. A medida visa coibir que outras cidades encaminhem pessoas de suas competências a virem ser atendidas em Balneário Camboriú.

Mesmo com o aumento de atendimentos comparado aos outros anos, a população de rua do município se manteve estável, e em certos períodos do ano foi inferior ao ano de 2018. A Casa de Passagem recebeu por mês, em média, 107 pessoas que nunca receberam auxílio do departamento anteriormente.

Durante o ano de 2019, o departamento também superou o número de internações em Centros para Tratamento de Dependência Química. Foram 236 pessoas encaminhadas pelas Secretaria de Saúde via CAPS AD.

As abordagens são feitas através de denúncias pela central de atendimento 156, ou através de equipes de profissionais que fazem rondas pelos bairros de Balneário Camboriú durante os períodos da manhã, tarde, noite e madrugada.

A campanha que realizamos intensamente durante todo o ano, alertando a população sobre a importância de dar oportunidades, e não esmolas, sem dúvidas contribuiu para os resultados positivos. Esse é um trabalho conjunto do poder público e da população para mudarmos realidades e salvarmos vidas”, comenta a secretária de Desenvolvimento e Inclusão Social, Chirstina Barichello.


Foto: Divulgação / Maria Júlia Púppio

error: Conteúdo Protegido!!