Associação das Cervejarias Artesanais de SC quer aumento de benefícios e destinação de parte da arrecadação para o turismo

Os números do Festival Brasileiro da Cerveja, que terminou no dia 11 de março ainda estão sendo contabilizados, mas a Associação das Cervejarias Artesanais de Santa Catarina (Acasc) já está trabalhando para que o mercado seja ainda maior. O que demonstra isso é que o presidente da entidade, Carlo Lapolli, entregou ao governador Raimundo Colombo, que esteve na cidade ontem (16), um documento solicitando dois importantes incentivos para o setor.

O primeiro é a ampliação do benefício de crédito presumido da operação própria e da substituição tributária de 13% para 20%. Já uma segunda questão, solicita que parte do ICMS recolhido pelas cervejarias artesanais no estado seja destinado para o Fundo Estadual de Turismo, já quer isso ajudaria a ascensão da atividade em Santa Catarina, de acordo com a Acasc, que é a mais antiga associação regional de cervejarias do Brasil e conta com 33 associados entre cervejarias, bares e fornecedores do segmento.

Na semana passada o vereador blumenauense Alexandre Caminha usou a tribuna da Câmara para dizer que irá debater com o Executivo propostas semelhantes, que tendem a estimular a vinda de novas cervejarias em Blumenau, possibilitando o fortalecimento da economia, sobretudo a geração de empregos, justamente por agregar o setor turístico.

 

*Com informações de Marina Melz da Melz Assessoria de Imprensa
Foto: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

error: Conteúdo Protegido!!