Assalto por criminosos fortemente armados resulta em pelo menos uma morte e trás à tona a vulnerabilidade do Aeroporto Regional de Blumenau

Não foi por falta de aviso! O Aeroporto Regional de Blumenau apresenta uma vulnerabilidade imensa para quem possui e/ou trabalha em hangares e também para o uso de aeronaves. Constatação disso foi o assalto registrado na tarde desta quinta-feira (14), em que marginais, fortemente armados cometeram o crime tendo acesso à pista de pouso e decolagem com veículos SUV.

Cerca de seis bandidos, usando dois veículos acessaram a pista do aeroporto, no exato momento em que um pequeno avião vindo de Curitiba/PR chegou em Blumenau com transporte de valores. Assim que a aeronave iniciou o taxiamento a tribulação e funcionários da empresa BRINKS (de transporte de valores) que estavam com três carros forte no local foram surpreendidos com diversos disparos de arma de fogo, de grosso calibre.

Fotos: Jefferson Santos / Notícias Vale do Itajaí

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Receba em primeira mão nossas notícias via WhatsApp
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

Foi um imenso tiroteio e ação dos criminosos durou cerca de 5 minutos. Os tiros acertaram pelo menos dois trabalhadores dos carros fortes e também uma trabalhadora de um galpão que fica às margens do aeroporto. O nome das vítimas do carro forte ainda não foram divulgados, já Edvania Maria de Oliveira, de 22 anos, que estava no refeitório da empresa onde trabalhava, foi encaminhada ao Hospital Santa Isabel com apoio do SAMU (Serviço de Antedimento Móvel de Urgência), acabou não resistindo. Ela recebeu um tiro na região do tórax.

Os dois trabalhadores da empresa de transporte de valores foram socorridos pelo Corpo de Bombeiros, com auxílio a equipe aeromédica do Arcanjo 03, que fica taxiado num hangar muito próximo do local do crime. Ambos permanecem internados e sendo submetidos a cirurgias.

Em um vídeo divulgado nas redes sociais, Andrey Tomazzi, vice-presidente do Aeroclube de Blumenau, comentou que há negligência quanto à segurança do local. “Precisamos segurança. Precisamos mais olhos para nossa cidade e não somente para pilotos ou para quem está operando carro forte, mas para a população que está em torno.” desabafou o empresário.

A Polícia Militar, juntamente com a Polícia Civil e o Instituto Geral de Perícias estiveram no local e um grande cerco policial foi realizado na região, porém nenhum dos suspeitos foram localizados. Um veículo Dodge Jorney foi localizado em Pomerode, e pode ter sido um dos automóveis utilizado pela quadrilha.

Através de imagens de câmeras de monitoramento, a Polícia Civil pode chegar aos suspeitos do crime, com o levante de outras informações, já que há possibilidade de informantes sobre o transporte.

error: Conteúdo Protegido!!