Ambulância do SAMU sai da oficina após problemas no freio e se envolve em acidente por falhas mecânicas

Uma viatura (Unidade Suporte Básico) do SAMU (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) de Blumenau que segundo socorristas havia acabado de sair da oficina mecânica por problemas nos freios. A ambulância teria saído da oficina nesta terça-feira (14) e durante o atendimento de um caso clínico no início da manhã desta quarta-feira (15) na Rua Alberto Kath, bairro Itoupavazinha acabou se envolvendo em um acidente, após descer o morro enquanto estava estacionada, mas sem ocupantes.

Em nota enviada para a imprensa a Secretaria de Promoção da Saúde do Município, afirmou que “embora o freio estacionário estivesse acionado, provavelmente um problema de natureza mecânica gerou o deslocamento da viatura pela via, causando danos estruturais em outro veículo e no muro de uma residência.” a Secretaria ainda afirmou que “o atendimento ao paciente prosseguiu sem nenhuma interrupção e uma outra unidade móvel foi deslocada para proceder com a sua remoção para um hospital”.

A viatura possui seguro, que deve cobrir as despesas para o conserto dos veículos e do muro. Por conta do ocorrido, no momento todas as três viaturas de suporte básico do SAMU estão baixadas, ou seja, em manutenção. “A previsão é que ao longo desta quarta-feira uma outra unidade de suporte básico volte a operar” diz a Secretaria na nota.

>> Curta o Notícias Vale do Itajaí no Facebook
>> Siga o Notícias Vale do Itajaí no Twitter
>> Entre no no canal do Notícias Vale do Itajaí no Telegram
>> Acompanhe o Notícias Vale do Itajaí no Instagram

O Notícias Vale do Itajaí (NVI) entrou em contato com a Oficina Mecânica União, responsável pela manutenção dessas viaturas. O proprietário do estabelecimento, Ecio Prada, afirmou que só pode dar um parecer sobre esse caso após análise do que pode ter ocorrido. Em relação aos problemas frequentes, assim que as viaturas saem do serviço de manutenção, voltam a apresentar os mesmo problemas, Ecio afirmou que a razão seria a alta quilometragem de todas essas viaturas reflete nesses problemas e não a falha na manutenção.

 

Gastos do Município com reparos

Em 2017 a Prefeitura de Blumenau, através da Secretaria de Promoção da Saúde gastou cerca de R$ 209 mil reais com a manutenção das viaturas do SAMU (três de suporte básico, cujo responsabilidade de manutenção é do Município). Através de dados obtidos pelo NVI, este ano, somente entre os meses de fevereiro e maio, o custo de manutenção dessas ambulâncias básicas já atingiu R$ 97 mil, sendo que a maior parcela desses recursos foi destinado justamente para Mecânica União. O custo dessas manutenções (no prazo de apenas 16 meses) equivalem a uma nova viatura para prestação de serviços, que só podem ser adquiridas através do Governo Federal.

Fotos: Divulgação / SAMU

 

Correção: anteriormente o NVI informou que dentro dos valores gastos com manutenção descritos nessa matéria, também estaria englobado os custos de manutenção com a Unidade de Saúde Avançada, quando na verdade essa unidade é de responsabilidade do Estado.

error: Conteúdo Protegido!!